menu

18 de setembro de 2017

Dicas para escolher um sofá




1. Defina qual será a função do sofá

Para deitar e se jogar, para receber, para um espaço pequeno. Muitas podem ser as funções de um sofá – e eles não são todos iguais. Quanto maior a profundidade do assento, mais convidativo ele é para uma área de home theater. Nesse caso, almofadas soltas funcionam muito bem! Para uma situação mais formal, como uma sala de espera ou mesmo uma sala de visita, escolha um modelo mais estruturado e que acomode bem as costas e os braços. Para saber se um sofá é ergonômico para você, faça o teste: sente-se, encoste os ombros no encosto e veja se seus pés alcançam o chão. Dica: se você tem crianças ou animais de estimação em casa, prefira os modelos que aceitam capas. Nas fotos acima e abaixo, modelo Mondrian, de Alessandra Delgado.







2. Pergunte sobre a parte interna

Quando colocados lado a lado, um sofá de boa qualidade e um sofá ruim podem apresentar pouca diferença. O que manda na qualidade do sofá, além do tecido que o reveste e do acabamento da costura, é a parte que não enxergamos: a estrutura, o tipo de madeira, as molas, percintas e as densidades das espumas. Sempre que for comprar um sofá, informe-se sobre esses aspectos. Quanto maior a qualidade, maior a durabilidade. Prefira investir um pouco a mais em uma peça que terá maior vida útil e que, futuramente, justificará uma reforma: como troca de tecido, por exemplo. “Quando o sofá é muito barato e tem estrutura ruim, nem vale a pena reformar. Ele acaba indo para o lixo”, diz a designer Alessandra Delgado.






3. Qual o tecido ideal para um sofá?
Ao comprar um sofá, observe itens como acabamento e textura. É interessante saber sobre o tipo de tecido utilizado, o que também está relacionado ao conforto da peça e à facilidade de limpeza. O veludo, por exemplo, é um tecido que esquenta mais facilmente. Já tecidos naturais, como algodão, são mais frios. Existem modelos que não ficam bem em couro – seja natural ou sintético. Para um sofá de sala de estar, um tecido macio é o mais adequado. Na foto abaixo, modelo Lina, assinado por Alessandra Delgado.




Onde estamos
Girona Design –  Rua Mateus Grou, 280 – Pinheiros, SP



12 de setembro de 2017

Alessandra Delgado participa de mostra de design em Paris




A designer Alessandra Delgado participa entre os dias 11 e 17 de setembro do Projeto Raiz, mostra itinerante de design que reunirá na Embaixada do Brasil em Paris criações de 18 estúdios brasileiros. O projeto, criado em 2012, é uma iniciativa da ApexBrasil e do Sindmóveis e acontece durante a Paris Week, integrando o catálogo oficial de atrações do circuito parisiense. Ainda entre os dias 11 e 17, é realizada em paralelo a feira parisiense Maison & Objet, onde os designers participantes da mostra itinerante foram convidados a integrar uma mesa redonda.




Escrivaninha Bossa

Alessandra exibirá a escrivaninha Bossa, inspirada no trabalho do brasileiro Jorge Zalszupin, mestre do design em madeira no século 20. A delicadeza e a funcionalidade fazem da Bossa uma peça atemporal, que agrega personalidade à decoração. A peça escolhida por Alessandra representa a identidade brasileira presente em sua coleção autoral.



Mostra itinerante

O Projeto Raiz já passou por Nova York e Roma promovendo a participação e o fortalecimento dos designers de mobiliário do Brasil no exterior. O próximo destino da mostra itinerante será Estocolmo, na Suécia, em fevereiro de 2018. Venha conhecer esta e outras criações da designer Alessandra Delgado na loja Girona Design. Acompanhe as notícias em nossas redes sociais.



Onde estamos




Girona Design –  Rua Mateus Grou, 280 – Pinheiros, SP




30 de agosto de 2017

Como decorar a sua casa com um toque de estilo escandinavo


A decoração escandinava é a queridinha da vez. Importada dos países nórdicos, como Dinamarca, Suécia e Noruega, o estilo prioriza a regra do “menos é mais”. Os ambientes precisam ser claros, de preferência com enormes janelas. O branco deve reinar nas paredes e também predominar tanto no teto quanto no chão. A presença de madeiras claras, com cantos arredondados, e alguns pontos de cor completam as características do estilo, que combina perfeitamente com móveis da nova linha da designer Alessandra Delgado. Confira como algumas peças da coleção podem dar o toque escandinavo na sua casa.



Banco Construção
Madeiras claras e naturais
Embora o metal seja o centro dessa nova coleção, em algumas peças a designer trabalhou com a madeira, respeitando suas formas orgânicas. Tanto para a mesa Planos quanto para o banco Construção, Alessandra usou o cinamomo, cuja cor clara combina muito com a decoração escandinava. 
Para destacar ainda mais as características originais da madeira de reflorestamento, a designer explorou um verniz de acabamento fosco, que realçou o que havia de mais bonito em cada peça. Essa busca pelo aspecto natural está presente no estilo. 




Mesa Planos
Minimalismo e conforto
Outra característica em comum entre o estilo e as novas peças de Alessandra Delgado é a simplicidade e o minimalismo. O predomínio das linhas retas  do banco e da mesa combinam com o ambiente escandinavo.  Amantes do estilo nórdico também optam por tecidos claros e com toque mais natural, o que conversa muito bem com a chaise.  




Onde estamos
alessandradelgadodesign.com
facebook.com/alessandra.delgado.design
instagram.com/alessandra.delgado.design
Girona Design –  Rua Mateus Grou, 280 – Pinheiros, SP

23 de agosto de 2017

A nova coleção da designer Alessandra Delgado, apresentada na High Design Expo



A High Design de 2017 marcou um novo momento na carreira de Alessandra Delgado. Além de celebrar os vintes anos de carreira, a arquiteta e designer lançou sua nova marca a Alessandra Delgado Design, que chega com uma nova coleção. As peças dessa linha têm o metal como ponto de partida de criação. "Consegui marcar esse novo momento", celebra a designer.




Há 18 anos no comando da loja Girona Design e reconhecida por criar peças em madeira, Alessandra Delgado destacou-se com seu estande com os novos materiais. "Foi interessante ver a reação das pessoas diante da minha figura, como autora das peças. Muita gente conhecia apenas a Girona, sem saber quem estava por trás", diz.




A participação na feira ajudou Alessandra a coroar esse momento e mostrar a sua versatilidade no uso de materiais, que vão além da madeira. A designer marcou o seu território e lançou em grande estilo a marca Alessandra Delgado Design. Todas as novas peças você já podem ser conferidas na loja Girona Design, em Pinheiros, SP.

10 de agosto de 2017

Referências à arquitetura marcam a nova coleção de Alessandra Delgado



A arquiteta Alessandra Delgado não deixa de lado sua formação na hora de criar novas peças. Sua nova coleção está repleta de referências aos conceitos da arquitetura e a profissionais renomados, como Jorge Zalszupin, que foi sua inspiração no desenho da chaise. “Quando estava desenhando a chaise, tinha muito o trabalho dele na minha cabeça. Jorge usou muito metais com cores quentes em suas criações”, conta Alessandra.

Os metais quentes estão presentes na maioria dos trabalhos dessa nova linha. A designer aplicou uma gama de padrões metalizados baseadas nos golden shades, que são as derivações dos dourados. Eles seguem a tendência Color Trend, desenvolvida pela marca italiana Lechler. Outro arquiteto icônico do design brasileiro homenageado é Sérgio Rodrigues: a poltrona Rô faz referência à célebre poltrona Mole.


O lado arquiteta


O banco Construção foi inspirado nos andaimes utilizados em obras. A estrutura de metal recebe o assento que respeita a forma orgânica da madeira e tem acabamento de verniz fosco. Outra reverência à sua área de formação está na mesa Planos. “Ao desenhar, eu pensava muito na arquitetura”, diz Alessandra. “A base de chapa de carbono foi pensada como se fosse um prédio que segura um tampo de madeira” completa.

Outras peças derivam de experimentações da designer com as formas. Um exemplo é a cadeira e poltrona Bruna, que surgiram de um exercício de Alesandra em fazer móvel com uma linha contínua. Se seguisse dobrando um arame, o que criaria? O resultado está nessas duas peças cujo encosto tem um balancinho que dá um aconchego em quem senta. A luminária Círculos veio do interesse da designer em trabalhar com várias formas circulares. A mesa que serve de suporte para luminária tem um movimento giratório que brinca ainda mais com as formas da composição.



O lado lúdico 



O ser humano também foi homenageado nessa coleção. A luminária Rótula traz referências das articulações humanas, como a rótula do joelho. “Queria que essa peça tivesse a leveza do funcionamento do corpo humano”, explica. A leveza e as formas orgânicas são características que permeiam todas nova linha, cujo o ponto de partida foi a delicadeza do metal.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...